Tem um negócio, mas não sabe se está fazendo tudo certinho? Não se preocupe. A gente te ensina a gerenciar bem para gerenciar sempre

Ter um negócio próprio e lucrar com ele é o sonho de muita gente. Diante da atual crise econômica, que está levando muitas pessoas ao desemprego, abrir uma pequena empresa também é uma estratégia de sobrevivência para conseguir pagar as contas.

De acordo com um relatório da Serasa Experian sobre nascimento de empresas, julho e agosto de 2020 bateram recorde no número de companhias abertas nos últimos dez anos. Foram mais de 325 mil negócios em cada um dos dois meses.

Tecnicamente falando, abrir uma empresa é fácil (tirando toda a burocracia, claro). Difícil é fazê-la dar dinheiro – e continuar dando dinheiro. Para isso, é preciso uma boa gestão e práticas eficientes que garantam resultados positivos.

Como administrar uma empresa

Para um gerenciamento bem-sucedido:

  • não deixe virar bagunça;
  • saiba se comunicar;
  • tenha metas e se planeje;
  • não caia na mesmice;
  • cuide do seu valioso dinheirinho;
  • fique ligado no mercado (e nos concorrentes);
  • olhe para os números com carinho.

Não deixe virar bagunça

Primeiramente, disciplina e organização. Se você tem estas qualidades, já é um bom começo. Pense na sua empresa como uma receita de bolo: se não prestar atenção no que está fazendo, ela desanda. 

Acompanhe de perto todos os processos, como contato com fornecedores, situação do estoque, fluxo de caixa, entre outros, e evite ao máximo deixar os problemas para depois. Afinal, você não quer ter que lidar com uma grande bola de neve, não é?

Saiba se comunicar

Para administrar uma empresa, é importante manter uma boa comunicação não apenas com fornecedores, mas também com clientes.

Ter isso em mente pode garantir a você, de um lado, preços melhores e, de outro, recomendações para mais pessoas darem uma chance ao seu negócio – o que é sempre bem-vindo.

Tenha metas e se planeje

Quadro mostra planejamento de uma empresa

Um bom administrador sabe onde quer chegar e, mais importante, pensa nos caminhos possíveis até lá. Por isso, planejamento é a chave do sucesso.

Imagine onde você quer estar daqui a um, três, cinco anos. Pensou? Agora tente estabelecer rotas até lá, o que pode ser feito para que o objetivo seja cumprido. 

Dica importante para administrar uma empresa: tenha sempre um plano B na gaveta (ou na nuvem). Ninguém quer que as coisas deem errado. Entretanto, cogitar esta possibilidade te obriga a pensar em um plano de gerenciamento de crise, e impede que você queira se jogar do 10º andar caso o negócio não dê os frutos esperados. 

Não caia na mesmice

Se você conseguiu reunir um grupo fiel de clientes e tem um faturamento até maior do que imaginava, maravilha! Acha que o trabalho agora acabou? Então deixa eu te falar uma coisa: é aí que você se engana. 

É ótimo já ter uma base de consumidores e consumidoras que compram com você. Contudo, o seu dever nesta etapa é fazer com que eles sempre voltem

  • Procure inovar o seu produto.
  • Traga novidades.
  • Faça promoções.
  • Promova ações em datas comemorativas. 
  • Seja criativo. 

Cuide do seu valioso dinheirinho

É difícil, eu sei. Pensar nisso faz muita gente suar frio, mas administrar as finanças do seu negócio é crucial na busca pelos seus objetivos. 

  • Faça um controle minucioso de tudo o que entra e tudo o que sai do caixa.
  • Tente poupar uma parte do lucro, por menor que seja, para possíveis investimentos.
  • Não misture o seu dinheiro pessoal com o da sua empresa.

Fique ligado no mercado (e nos concorrentes)

Mesmo quem tem um negócio de sucesso precisa estar de olhos bem abertos. Deve observar não só o local da festa, como também os convidados.

Desse modo, acompanhe as tendências de mercado e atente-se ao que acontece mundo afora para não ficar para trás. Procure aprender cada vez mais sobre negócios e administração e esteja sempre aberto a mudanças.

Olhe para os números com carinho

Sei que muita gente foge dos números como o diabo foge da cruz. Porém, hoje em dia ninguém precisa mais ficar refém das planilhas do Excel. Há inúmeros aplicativos e ferramentas que ajudam a monitorar e atualizar dados de forma muito mais fácil, rápida e clara. 

Aliás, saiba que aqui não estou apenas falando de dinheiro, mas também de tráfego de pessoas na sua loja, número de clientes, de compras realizadas, controle de estoque e outras informações.

Conclusão

É, eu sei. Administrar uma empresa dá trabalho mesmo. No entanto, com o tempo você se acostuma. Com toda a certeza, depois de ler essas dicas, você vai tirar de letra.

Bora começar a colocar a casa em ordem?