Para atrair o cliente, as fotos do seu cardápio precisam dar água na boca. Saiba como fazer isso usando apenas o celular

Você sabe como tirar foto de comida com o celular? Por mais que imagens de bolos coloridos e pizzas saborosas possam não significar nada para algumas pessoas, são essenciais para empreendedores que desejam conquistar mais visibilidade e, consequentemente, mais clientes

Só quem viveu sabe. Fotografar alimentos não é tão fácil quanto parece. Desde equipamentos necessários a montagem dos pratos, ângulos e iluminação, tudo precisa ser pensado com cautela. 

Mas se você acha que para tirar fotos de qualidade é preciso ser um fotógrafo profissional, a resposta é simples: não precisa! Afinal, a chave para tirar boas fotos com celular é ter força de vontade – e saber uns truques básicos.

Existem algumas táticas que ajudam a deixar o processo mais fácil e prático. Quer aprendê-las? Então, confira o passo a passo completo de como tirar foto de comida com o celular.

Quer receber conteúdos como este direto no seu e-mail? Então, assine a nossa newsletter e venha fazer parte da comunidade do Comercyo.

Qual a importância de tirar fotos de qualidade?

Tirar foto de comida para vender é uma excelente estratégia para conquistar clientes. Isso porque uma imagem que apresenta o alimento de forma especial chama a atenção e instiga a clientela a comprar.

Então, seja para vender na internet, e-commerces ou no próprio restaurante, é essencial atrair o público, primeiramente, pelo visual – com imagens de qualidade no menu. Ou seja, com fotos em alta resolução e ricas em detalhes.

Além disso, existem diversos recursos que conectam o consumidor diretamente ao cardápio digital dos estabelecimentos, fazendo com que o primeiro contato dele seja com as imagens dos pratos. 

Alguns aplicativos, como o Kyte, permitem inclusive que donos de restaurantes aceitem pedidos de comida direto do Facebook e do Instagram.

Ao fazer as configurações, o comerciante ganha automaticamente no perfil comercial do estabelecimento o botão Pedir Comida, ferramenta semelhante à sacolinha do Instagram, só que exclusiva para restaurantes. 

Portanto, não importa se você já vende ou se quer vender no iFood, em outras plataformas, no seu próprio site ou em ponto físico. Investir tempo na composição e produção de fotos é crucial para um negócio causar uma primeira impressão positiva.

O que é preciso para tirar foto de comida com o celular?

Muitos comerciantes duvidam, mas é possível tirar foto de comida com o celular e ter bons resultados.

Para isso, é necessário destacar a beleza dos seus pratos por meio de quatro elementos: 

  • montagem da cena;
  • iluminação;
  • enquadramento;
  • edição.

Com esses pontos em mente, fotografar os alimentos servidos no seu restaurante se torna uma tarefa muito mais fácil. Então, preparado para dar uns cliques e turbinar o seu negócio

Como tirar foto de comida com o celular: passo a passo completo

foto de comida: como tirar

Seja para divulgar nas redes sociais, montar um restaurante delivery ou até mesmo uma lanchonete, as fotos dos seus pratos precisam ser excelentes, tanto em relação à qualidade da imagem quanto do conteúdo. 

Para chegar a esse resultado com as fotografias dos seus produtos, veja abaixo como tirar foto de comida com o celular e cative o público para vender mais. 

1) Prepare seu prato

O primeiro passo para tirar foto de prato de comida é montá-lo de forma atrativa. Neste momento, pense como um artista. Use colheres, borrifadores e até pincéis para transformar seus alimentos em verdadeiras obras de arte.   

Para deixar a refeição com um ar de “feita à mão”, opte por decorar o prato com elementos mais naturais, como alecrim, manjericão e hortelã. Além disso, busque sempre o lado mais apresentável dos ingredientes – ou seja, o melhor ângulo.

Na hora de escolher a louça, preze por peças discretas, que não roubem a cena, e que combinem com a estética do alimento e do ambiente. 

Na prática, pense assim: se quiser realçar as cores da comida, prefira pratos brancos. Já se seu objetivo for transmitir uma vibe mais rústica, tábuas de madeira são ótimas superfícies.  

Tire um bom tempo para montar o prato. Procure inspirações, teste montagens diferentes e encontre a melhor versão da sua composição antes de dar o primeiro clique. 

2) Monte seu cenário

foto de comida

A forma com que você exibe os seus pratos diz muito sobre o que você quer passar. Em outras palavras, se seu restaurante tem temática havaiana, por exemplo, não faz sentido montar cenários muito formais, e sim mais vivos e descontraídos.

O ideal é pensar em composições simples, mas que combinem com as cores dos alimentos, complementem a imagem e conversem com a realidade do estabelecimento.

Seguindo o exemplo da comida havaiana, pode ser interessante utilizar adereços como: 

  • folhas de bananeira;
  • flores ou temperos;
  • toalhas que combinem com o prato;
  • suportes de palha;
  • hashis;
  • tábuas de madeira em forma de prancha;

A chave é saber exatamente o que você quer transmitir com a fotografia. São infinitas oportunidades, explore a identidade visual da sua marca. 

3) Ilumine bem a área a ser fotografada

A luz é fundamental para a fotografia gastronômica, pois, por meio dela, é possível apresentar a textura da comida, a cor natural e deixar o alimento com uma aparência mais apetitosa. 

Não se preocupe em comprar equipamentos profissionais, use a luz natural a seu favor. Encontre um ambiente bem iluminado e, se for possível, abra todas as portas e janelas para facilitar a entrada da claridade. 

Caso tenha algum aparelho ou acessório, como um ring light (aqueles círculos de luzes de LED), ilumine seu prato com tons mais amarelados, vermelhos e alaranjados. Evite luzes azuladas e brancas, pois elas dão um aspecto artificial para o alimento.  

Atente-se também à posição da luz. Quando ela bate de frente, a tendência é que as sombras desapareçam, tirando a textura. Por outro lado, iluminar por trás do prato ou pela lateral confere mais naturalidade. 

4) Limpe sua câmera

Pode parecer óbvio, mas como os celulares estão sempre indo e vindo nas mãos, é natural que a lente fique com manchas de dedo e outras coisas. 

Às vezes, aquele borrão que tira a qualidade da imagem não é um problema no aparelho, e sim uma marca que pode ser removida com um pano seco.

Por isso, é necessário dar uma limpadinha na câmera antes de fazer as fotos dos seus pratos.

5) Teste diversos ângulos e enquadramentos

como tirar foto de comida

Uma coisa é certa: a foto perfeita nunca sai de primeira. Para garantir um resultado satisfatório, teste vários ângulos, distâncias e iluminações.

Fotografe de cima, de baixo, de frente, de lado, experimente desfocar o fundo, dê um close (foco) em algum detalhe do prato. O céu é o limite! Não existe um ângulo ou lado certo para tirar foto de comida, então use a sua criatividade! 

O mais importante é encontrar uma forma de deixar a câmera estável, na posição vertical ou horizontal, e fazer com que o alimento principal ocupe entre 70% e 80% da imagem. 

6) Edite suas fotografias

Chegou o momento de editar as suas imagens. Mas muita atenção aqui: não é preciso pegar pesado, fazendo inúmeros retoques; apenas fazer algumas alterações pontuais para dar um ar mais profissional para suas fotografias e realçar a beleza natural dos pratos

Nada de usar filtros ou tentar esconder grandes defeitos. Isso, além de enganar o cliente, prejudica a reputação da sua marca. Então, faça algo simples, somente para corrigir pequenos pontos, como iluminação e nitidez.

Há muitos aplicativos gratuitos que auxiliam nesta tarefa, como a plataforma de edição e armazenamento de fotos Adobe Lightroom e a ferramenta de design Canva.

O que evitar na hora de fotografar meus produtos?

Agora que você já sabe os princípios básicos de como tirar foto de comida, é interessante conhecer o que você deve evitar na hora de fazer os cliques. Confira: 

  • colocar informações na imagem, pois pode prejudicar a visualização do conteúdo principal;
  • aproximar demais a câmera a ponto de dificultar a identificação dos elementos e do tamanho do prato;
  • usar ângulos que ocultem algum item; 
  • aplicar zoom, já que esse recurso diminui a qualidade das imagens;
  • utilizar o flash, porque ele pode deixar a foto muito clara e até esconder alguns detalhes.

Não há uma regra que proíba essas práticas, mas se você quer obter melhores resultados, evite-as. Normalmente, para conseguir efeitos satisfatórios com elas, é necessário um conhecimento técnico um pouco mais avançado.

Conclusão: agora é com você!

Como você viu, tirar foto de comida com o celular não é nenhum bicho de sete cabeças. Claro, são muitos detalhes para se atentar, mas seguindo os passos apresentados, com certeza suas imagens ficarão mais atrativas e profissionais

Lembre-se de que fotografar elementos gastronômicos não é uma ciência exata, é uma forma de arte. Então, busque explorar diferentes ângulos, iluminações e composições. Deixe sua marca em cada clique!