Anunciar em marketplaces é vantajoso pois traz visibilidade para a sua empresa. Saiba como começar a fazer negócios no principal shopping virtual da América Latina

Quem vende na internet precisa explorar vários ambientes e não ficar restrito a um único canal. O ideal é ter um site próprio, estar nas redes sociais, manter uma forma de contato pelo WhatsApp e também investir em marketplaces, como o Mercado Livre.

Se você ainda não está muito familiarizado com esse termo, nós explicamos. Marketplaces são shoppings virtuais, locais em que vários comerciantes anunciam produtos e realizam vendas. Apesar da intensa concorrência, são ótimas oportunidades de conseguir visibilidade e atrair novos clientes para a sua loja. 

Com a tecnologia e as ferramentas existentes hoje, estar em múltiplos canais deixou de ser algo possível apenas para grandes e-commerces. Mesmo comércios pequenos conseguem alavancar seus lucros fazendo negócios além do próprio site.

Quer ser um deles? Então confira abaixo um passo a passo completo para começar a vender no Mercado Livre hoje mesmo.

O que é o Mercado Livre? 

como faço para vender no mercado livre
Telas do aplicativo do Mercado Livre

Lançado na Argentina em 1999, o Mercado Livre é considerado o principal marketplace da América Latina e apresenta mais de 60 milhões de anúncios em tempo real. Para se ter uma ideia do tamanho, a empresa afirma que registra 9 vendas por segundo.

Como funciona o Mercado Livre?

Presente em 18 países, o Mercado Livre é sinônimo de marketplace para diversos empreendedores. De acordo com um relatório da própria companhia, ela acumulou, até março de 2019, US$ 3,1 bilhões em vendas. 

Em meados de 2020, o Mercado Livre registrou 2,6 milhões de novos clientes no Brasil. Portanto, diante dessa janela gigante de oportunidades, não há dúvidas de que esse marketplace é muito vantajoso para quem faz parte dele.

Além disso, vender no Mercado Livre vale a pena por ser uma plataforma de fácil acesso. Em poucos minutos, você cria sua conta e já começa a anunciar os seus produtos sem complicação.

Como trata-se de um ambiente pronto, você não precisa se preocupar com design, navegabilidade ou conhecimentos técnicos. Basta inserir as suas informações e pronto. Para quem quer algo mais personalizado, há espaço para colocar o logotipo da marca e o site.

No Mercado Livre, você tem independência para criar os próprios anúncios e ainda consegue oferecer diversas formas de pagamento e entrega aos clientes. E como se não bastassem todas essas vantagens, vender na plataforma é de graça, mas há alguns poréns. Falaremos mais sobre isso já já.

Quais os produtos mais vendidos no Mercado Livre?

Atualmente, os itens mais buscados na plataforma são os seguintes:

  • papel de parede;
  • perfumes;
  • roupas femininas;
  • maquiagem;
  • roupas infantis;
  • roupa de cama;
  • celulares;
  • cremes de hidratação;
  • fones de ouvido.

Quanto custa vender no Mercado Livre?

como funciona a venda no mercado livre

Anunciar seus produtos no Mercado Livre é de graça. No entanto, essa opção apresenta algumas limitações. Quer entender melhor? Então, vamos lá.

Atualmente, a plataforma oferece 3 tipos de anúncios. Independentemente do tipo escolhido, há a cobrança de uma taxa de venda – um valor fixo de R$ 5 por unidade – para produtos que custam menos de R$ 79 (com exceção de alguns itens de supermercado, livros, moda e beleza). 

Conheça cada um deles:

Grátis

Anúncios duram 60 dias e têm exposição baixa (poucas pessoas vão visualizar). O valor mínimo dos itens anunciados deve ser de R$ 7.

Nesta modalidade, o lojista não consegue oferecer parcelamento sem cobrar a mais por isso, mas tem direito ao Mercado Pago (a carteira digital do Mercado Livre).

Também há limites de vendas: 20 por ano para produtos usados e 5 por ano para produtos novos. Em ambos os casos, o comerciante pode fazer até 10 anúncios de uma vez, sempre com apenas 1 unidade em estoque.

Clássico

Anúncios não têm limite de duração e contam com exposição alta (mais pessoas vão visualizar). 

O lojista não consegue oferecer parcelamento sem cobrar a mais por isso, mas tem direito ao Mercado Pago. 

O valor das tarifas de anúncio cobradas aqui variam conforme a categoria do produto.

Premium

Anúncios não têm limite de duração e contam com exposição máxima (muito mais pessoas vão visualizar). 

O lojista consegue oferecer parcelamento em 12x sem juros sem cobrar a mais por isso e ainda tem direito ao Mercado Pago.

O valor das tarifas de anúncio cobradas aqui variam conforme a categoria do produto.

Como vender no Mercado Livre: passo a passo

Confira abaixo o guia completo para você começar a vender na internet pelo Mercado Livre.

1 – Crie uma conta no Mercado Livre

Se você for anunciar no Mercado Livre pela primeira vez, acesse o site da plataforma e, em seguida, vá em Crie a sua conta.

2 – Faça o cadastro na plataforma

Você pode se cadastrar como pessoa física ou empresa. 

  • Pessoa física: precisa informar nome, sobrenome, e-mail e criar uma senha.
  • Empresa: precisa informar o CNPJ, razão social, e-mail e criar uma senha.

Depois, insira suas informações: 

  • nome e sobrenome;
  • CPF;
  • endereço da venda;
  • telefone.

3 – Cadastre os seus produtos

Com a conta criada, o próximo passo é anunciar o produto ou serviço. Para isso, você não precisa ser um especialista em vendas ou marketing. 

Ao acessar a sua conta, clique em Vender e defina o que será vendido: produto, veículo, imóvel ou serviço.

4 – Trabalhe a descrição dos seus produtos

Insira as informações do produto ou serviço:

  • nome e modelo;
  • categoria (ex: sapatos, roupas);
  • marca, gênero, novo ou usado, cores, tamanhos disponíveis;
  • quantidade no estoque;
  • código universal de produto (EAN);
  • fotos do produto ou serviço.

Tenha clareza e cuidado na hora de compor a descrição. Procure colocar todas as informações relevantes para os consumidores.

5 – Defina o preço do produto ou serviço

como fazer vendas pelo mercado livre

Quando você chegar aqui, já deve ter definido os valores que pretende cobrar. Para isso, avalie o momento da sua empresa, os gastos para produzir ou adquirir aquele item e também a margem de lucro desejada. Tudo isso precisa estar definido no momento da precificação dos produtos.

6 – Configure como quer anunciar no Mercado Livre

Aqui é o momento em que você vai escolher o tipo de anúncio com o qual quer trabalhar: Grátis, Clássico ou Premium. Lembre-se que cada um conta com um nível de exposição diferente aos visitantes da plataforma. Ou seja, quanto mais você investir, mais chances o anúncio tem de ser visto.

7 – Explique as formas de entrega ou retirada

Você pode oferecer a opção de retirada pessoalmente, caso possua uma loja física, ou usar o Mercado Envios para entregar direto no endereço do cliente. 

É possível oferecer frete grátis aos consumidores. Contudo, ele será descontado de você. A plataforma tem uma política bem específica de valores que variam conforme a reputação do vendedor. Por isso, é muito importante checá-la antes de oferecer o benefício.

8 – Complete as informações adicionais sobre os produtos

Você pode informar sobre fornecimento de garantia e nota fiscal, fazer uma descrição mais personalizada e até adicionar vídeos. Tudo para tornar seu anúncio ainda mais atrativo e aumentar suas chances de venda.

9 – Clique em “Anunciar”

Pronto! Seu anúncio está publicado. Agora é só aguardar os pedidos.

Como vender mais no Mercado Livre?

Existem algumas dicas valiosas que você pode seguir para vender mais no Mercado Livre. São medidas simples, mas que fazem toda a diferença no sucesso do anúncio.

  • Selecione as melhores fotos que puder dos produtos e cause uma boa primeira impressão.
  • Preze pela educação e clareza no atendimento aos consumidores e busque responder a todas as dúvidas de potenciais clientes.
  • Após vender um produto, peça uma avaliação ao cliente sobre o produto e o atendimento.
  • Seja honesto nos anúncios quanto ao estado das mercadorias, se forem usadas.
  • No caso de produtos novos, descreva-os com riqueza de detalhes
  • Explique muito bem como será a cobrança do frete.

Conclusão

Depois de todas essas dicas de como vender no Mercado Livre e ser um sucesso, deu para entender que vale muito a pena investir na plataforma, não é? Com certeza você vai aumentar as suas chances de venda e atingir um público muito maior.

De qualquer forma, é muito importante utilizar o Mercado Livre como um canal para divulgar o seu próprio site. Assim, você trabalha a força da sua marca e não fica totalmente dependente do marketplace.
E aí, o que você vai anunciar hoje? Se estiver sem ideias, confira nossa lista de produtos que estão em alta no mercado.